sexta-feira, 14 de junho de 2013

UHSM- capitulo 1-parte 2

Ela caminhou até o pequeno sofá do Dr. Golding. Joe percebeu que a jovem esperava um convite para sentar.
- Por favor. – Ele fez um gesto em direção ao sofá.
Ela agradeceu numa vozinha educada e tensa. Preparava-se para dizer alguma coisa. Joe viu a rigidez do rosto da jovem desfazer-se num esgar; ela começou a chorar de novo.
- Não posso mais fazer isso – desabafou, debulhada em lagrimas.
Miley estava fazendo gestos e movimentos com a boca que Joe não conseguia decifrar. Ele próprio fez sinal, indicando que Miley deveria entrar e falar com a mulher que chorava, mas ela voltou para a sala de espera, deixando-o sozinho. Joe sentiu-se um idiota ali parado, por isso pegou uma cadeira no canto e a arrastou até o sofá. Colocou-se de frente para a mulher, mas não pôde encará-la, porque agora o rosto dela estava sobre os joelhos. Os braços também abraçavam as pernas; seus ombros se agitavam com a força dos soluços intensos, descontrolados. A se acalmasse.
Temendo tocar a garota, Joe simplesmente apoiou os cotovelos nos joelhos, inclinou-se para frente e esperou que ela se acalmasse. A comoção do momento o contagiou. Começou a se perguntar qual seria o fardo que alguém tão jovem e bonita  estaria carregando para se ver num estado de angustia como aquele.
Finalmente, depois do que pareceu ser uma eternidade, os soluços diminuíram. Demi Lovato ergueu o rosto, enxugou os olhos e assou o nariz com o lenço de papel que tirei do bolso.
- Desculpe- disse
Seu nariz estava vermelho como se ela estivesse com um resfriado forte.
- Não precisa se desculpar.
Joe examinou os sapatos da mulher. Seus pés pequenos portavam mocassins, um tanto gastos nos calcanhares mas cuidadosamente engraxados, com uma  moeda nova e brilhante em cada um deles.
Ela se empertigou e ele também, mas nenhum dos dois disse nada. Joe decidiu que, depois de toda aquela emoção, Demi Lovato deveria ser a primeira a falar,
Ela a principio hesitou, mas sua fala foi ganhando desenvoltura e força enquanto prosseguia. Joe se recostou na cadeira. Não parecia ser a hora certa para corrigir o engano obvio de Demi Lovato, que o tomara como pelo Dr. Golding, mas,  à medida que ela ganhava confiança, Joe começava a se sentir muito desconfortável. Nos momentos em que ela fazia pausa, ele abria a boca para tentar revelar sua verdadeira identidade, mas titubeava para encontrar as palavras apropriadas e, a cada vez, antes que pudesse se obrigar a dizê-las, Demi recomeçava a falar ou a derramar outro rio de lagrimas.
Joe concluiu que Demi possuía o que a sua mãe chamaria de rosto doce. Assim que ela acalmasse um pouco, ele poderia admira-la em seu estado virgem- o que era uma figura de expressão, uma vez que a jovem tinha um filho.  Não tinha marido, só um filho. Ela lhe disse, em meio a um monte de outros fatos e revelações que desfiava rápido demais para que ele os catalogasse ou questionasse. Enquanto ouvia a torrente de informação, ele ficou imaginando quanto tempo faria desde que alguém dava ouvidos a ela.
A certa altura ela parou de falar e olhou para os pés dele.
- Porque o senhor usa botas com biqueira de aço? – perguntou num tom simples, estampando um olhar confiante que Joe apostava ser a causa de pelo menos algum dos seus problemas. Ocorreu lhe, então, que ela estava confiando nele. Percebeu que agora seria uma boa hora para dizer que era Joe Jonas, e não o Dr. Jason Golding. 
_________________________________________________

E ai o que acham que vai acontecer.... 

         Ele conta ou não?

saushau 

Como prometido, para quem tava On eu postei um pedacinho... Se tiver coment's até mais tarde as 19h posto de novo...

COMENTÁRIOS DOS  CAPÍTULOS ANTERIORES RESPONDIDOS.... ;)

6 comentários:

  1. OMG..
    E agora??
    Conta ou não Joseph??
    Heim..
    Posta Logooo
    Beijooos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sera que ele conta?
      sauhsau
      Ja postei.. ;)
      Bjs

      Excluir
  2. Wooow!!!
    Amei!!
    Eu acho que ela vai confiar nele, sei lá, pura intuição u.u
    Beeijos, poste loogo <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele passa muita confiança pra ela nesse primeiro encontro...
      MAs pode ser uma confiança falsa certo? Ele esta fingindo.. ;)

      Excluir
  3. amei demais *_*
    mal vejo a hora do desenrolar da história :P
    beeeijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agora com as ferias, rapidinho posto pra vocês...
      XD
      COMENTEM BASTANTE.. ;)

      Excluir